domingo, 17 de janeiro de 2010

No teu deserto

Miguel Sousa Tavares classifica-o como "quase romance".

Este é um livro sobre uma viagem no deserto.
Um livro sobre o silêncio.
Sobre duas pessoas que não se conheciam.
Um homem de 36 anos e uma mulher de 21.
Este livro é uma declaração de amor.
Um amor desencontrado. Um amor em tempos diferentes. Um amor que não foi possível.

Duas frases:
" - Cláudia, não precisas de falar só porque vamos calados. A coisa mais difícil e mais bonita de partilhar entre duas pessoas é o silêncio." (p. 97)
"Eis porque já não há ninguém para a travessar o deserto. Ninguém capaz de enfrentar toda aquela solidão." (p. 119)

4 comentários:

B. disse...

Adorei este livro. É uma linda "declaração de amor" para a Claudia!

Tem frases que nos marcam.

Å®t Øf £övë disse...

Gonio,
Ora aqui está um livro que está na minha lista para leitura, e que acabaste de me aguçar o apetite.
Abraço.

Paula disse...

Adorei este livro de Miguel Sousa Tavares, para mim um quase romance que foi um quase poema :)
Uma escrita diferente da que Miguel Sousa Tavares nos acostumou, mas igualmente boa.
Um abraço

Chloé disse...

Andei a folhea-lo hoje e prometi-mo um dia destes... tenho tantos para ler agora!